quarta-feira, 29 de abril de 2015

A verdade sobre a Vilela boots - Resenha de produtos

(Imagem do blog http://iindarkness.blogspot.com.br/)

Antes que gere um equívoco, já quero ressaltar que esta Resenha não tem intenção alguma de falar mal em relação à marca. Fiz um post falando sobre o mercado nacional na questão dos coturnos e, associando isso à Vilela, sabemos que ela é bastante popular e muitos dão preferência, pois se trata de uma loja nacional que esta inteiramente acessível para qualquer lugar aqui no Brasil - Assim como sua grande variedade de sapatos, desde botas, sapatos bonecas e creepers.




Entretanto, o que venho informar à vocês é que, se não tomarem cuidado com os modelos ou tamanhos que escolhem, pode vir a se tornar uma grande decepção. Não são todos os modelos que possuem esse tipo de transtorno, mas o que ocorre é que nem todo mundo consegue se adaptar aos sapatos da vilela, pois eles podem reagir de diversas formas como: causando dores em determinados locais (dedos, calcanhar, tornozelo), causar calos/bolhas etc.

Uma resenha especial com base às minhas próprias experiências e também a série de reclamações similares as minhas. Contudo não se enganem, eu irei dar algumas dicas para amenizar esses desconfortos. Vamos lá?

http://www.caveirarockwear.com.br/

Contras da Vilela

Posso afirmar que já tive muitos modelos da marca.

O Primeiro que adquiri foi o Coturno 5021. Como vocês podem ver, ele é um cano alto em PVC e de salto, apesar de ter sido meu primeiro coturno, não consegui usufluir o quanto queria

Sempre que usava, em torno de 2 horas já sentia dores nas pernas, achei que poderia ser por que não tenho costume de usar salto, porém veio a se tornar um problema depois que começou a surgir calos (não consigo de jeito nenhum usar algo que me dê calos. É horrível!). Não era falta de usar salto, mas até na hora do impacto de quando andava, causava dor. Conclusão, ele ficou no fundo do armário, meias grossas causavam ainda mais desconforto, até que por fim, eu o vendi.

OBS: Eu não fui a única a sofrer do mesmo problema.




O Segundo sapato que comprei da Vilela, foi um Creeper 2065. Super básico da cor branca (LINDO), porém o principal problema era ser extremamente duro e não ter muita mobilidade.

Apesar disso ser comum em creepers, este bonito, causou muita dor nos calcanhares e até hoje tenho pequenas marcas dos machucados, fora os calos que já me causou. Repito e ressalto, eu sempre usei meias grossas seja para coturnos, botas ou creepers. Na época, colegas J-rockers também faziam muito o uso dos creepers e a maioria tinham os mesmos comentários. Outro que vendi.



Mais um modelo muito polêmico entre a marca da vilela, o Sapato Boneca. Ele tem problemas similares ao do creeper, no qual muitas vezes não se adapta bem aos pés. Para alguns o problema esta na ponta dos dedos, outros no calcanhar.

Enfim, é um sapato que dá problema em algum lugar dos pés e para complicar, em muitos look's, não ficaria bem usa-los com meias grossas, mas sim com meias mais finas ou nada. Eu particularmente, nunca tive um sapato boneca da vilela, porém várias pessoas já reclamaram desse problema.





(Palmilhas de gel/silicone/ anatômicas)
Como resolver o problema?

Existe dois métodos que podem ajudar. Caso você esteja tendo problemas com calos, bolhas e machucados, SEMPRE comprem/usem uma palminha ortopédica, seja em gel, silicone ou somente anatômica. Existem palmilhas com opções diferentes para adaptar-se à uma parte específica dos pés, como joanetes, calcanhar, palma e até mesmo tipos de pés como cavos, planos etc.

Outra Opção que pode ajudar é lacear o sapato, Lacear fará com que os alargue e deixem-os mais confortáveis. Veja como lacear AQUI



Pós da Vilela

Apesar disso parecer "horrível"não significa que a marca não presta, ao contrário. Após minhas decepções com a Vilela, ainda não deixei de provar outros modelos.  Atualmente tenho apenas dois coturnos da marca, no qual estes são os que nunca me deram problemas e os amo muito!

São modelos mais simples e que garantem meu conforto.

O Terceiro sapato que comprei, foi o Coturno 5021 ALT CANOA (este da foto). É o meu preferido para qualquer ocasião. Faz dois anos que comprei e ainda esta em ótimo estado, foi quando eu descobri o meu amor por plataformas.




(Minha tomada deu Oi)

Finalmente o Quarto, Foi o Coturno 5021 A 2 FIV, é um modelo simples, gosto das fivelas para dar mais destaque ao calçado. Um que tenho como opção para usar em absolutamente qualquer lugar, uma opção rápida e simples. Acho confortável e também nunca tive problemas.

Esses dois foram os sobreviventes diante de todos os outros sapatos que comprei da Vilela. Portanto, o que posso recomendar, é que você tome muito cuidado até mesmo pela questão do tamanho.

Nunca estranhem que o sapato seja duro quando ele é novo, pois eles tem que passar por aquela fase de lacear ou amaciamento, no qual vai se adaptar melhor aos seus pés.




http://www.caveirarockwear.com.br/
Qualidade da Vilela

Material - Eu gosto bastante do PVC, principalmente porque o Couro é mais grosso e fica macio com o tempo de laceamento. O único defeito que notei, é que se raspar (tipo numa parede áspera), ele fica com a marcasempre disfarço essa falha com graxa.
O Vinil/Verniz sempre foi polêmico, não existe nada que tire as marcas de risco no vinil, é uma pena e por conta disso, dou preferência aos de couro que são mais fáceis de faze-los durar. Pessoalmente, prefiro coisas mais opacas do que brilhosas e vinil atende muito bem isso. Se você é amante de vinil, use-o sem culpa, mas ciente de que você o ama e o odeia hahaha.

Plataformas - Uma coisa interessante sobre as plataformas, não é nenhuma novidade que elas sejam duras, afinal, não dará tanto conforto à movimentação do seu pé, não é algo que me incomoda já que eu amo, mas existem pessoas que odeiam plataformas por isso.

Estejam cientes dessas recomendações e espero que tenham gostado do post informativo!
Kei Hrist Agradece. Beijos amores <3

http://www.vilelaboots.com.br/

18 comentários:

  1. Utilidade pública total! <3 Eu tenho um coturno baixo de cano médio da Vilela e sempre sofria dessas dores no pé, sempre depois de andar por algum tempo. Ele deu pra resolver com meia, mas confesso que vendo o seu primeiro exemplo, vou desistir daquela bota (assumo que já estava querendo ela há um tempinho) e assim como você, não consigo usar nada que me machuque também, ainda mais os pés! Podia indicar outras marcas que tem esse modelo (ou semelhante) que não machuque hein? Eu iria adorar a info! <3 Obrigada por compartilhar, veio em ótima hora!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico extremamente feliz pelo maravilhoso feedback! <3 Olha amore, realmente não recomendo os coturnos de salto da vilela. Muitas meninas amam no começo o que é perfeitamente normal, porém com o tempo elas se decepcionaram muito. Uma colega minha comprou uma de vinil com 5 fivelas, pagou um preço absurdo, ficou super feliz, mas se decepcionou após sofrer esses dilemas. Por isso q recomendo a palmilha ortopédica. A vilela tem uma boa qualidade, mas na questão de conforto eles pecam muito!
      Sobre indicar outras marcas, eu ja as indiquei em um outro post, justamente sobre o mercado nacional (tem um comentário seu lá inclusive), aquelas são as únicas marcas que posso recomendar aqui no BR.
      Caso se interessa, veja também o post sobre coturnos internacionais. Apesar de serem caros, a vilela também tem subido muito os preços em seus produtos. Obrigada Sphyni LINDA! <3

      Excluir
    2. Voltay pra conferir tudo! Obrigada pelas indicações!
      Eu dei uma olhada nos outros posts, alguns vou ver novamente pra refrescar a memória!
      Bexos! <3

      Excluir
  2. Acho esse modelo "sapato boneca" um divo <3
    Pena saber que uma marca nacional, que é bem mais acessível para nós alternativas, esteja dando esses problemas. Mas uma coisa compensa a outra, enquanto causa dores (o que infelizmente é comum, principalmente em saltos altos de várias marcas famosas) é uma marca com produtos de belo design *-*

    Obrigada pelas dicas, amore <3

    www.faroestemanolo.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente Marjory, acho que eles deviam investir mais no conforto, em questão da qualidade eu não tenho do que reclamar. Infelizmente, com o passar dos anos tem aumentado muito o valor deles, estão custando o preço de um coturno importado, acho válido q pelo menos eles melhorassem o produto, tentando consertar esses desconfortos talvez... Obrigado pelo comentário!

      Excluir
  3. Tenho um Coturno 5021 A 2 EVA IP , eu não tenho do que reclamar. Ele só vai doer depois de 5 horas , ou de um show mto agitado
    Eu ainda quero adquirir Coturno 5021 ALT CANOA pois acho linda e sexy.
    Eu acabei caindo de paraquedas aqui , e posso dizer que adorei seu blog.
    Parabéns

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E eu só tenho a agradecer o seu comentário Lari <3 Espero que goste deoutras postagens igualmente! Bjos. *-*

      Excluir
  4. Comprei recentemente esses creepers e estou tendo o mesmo problema que você. Me sinto até mal, porque foi um dinheiro difícil de juntar e porque eu amei bastante o modelo. Será que essas dicas que você deu pode ajudar? (Já que no final das contas você acabou vendendo-o)...
    E depois que eu sai de lá, acabei me apaixonando pelo modelo boneca e agora fico meio assim por causa da experiência que estou tendo com o creeper.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Natália! Acabei vendendo mais pela falta de uso, mas as palmilhas ortopédicas realmente ajudam muito, porque servem especificamente para a saúde dos pés (por isso existem vários modelos, eu particularmente prefiro silicone). Na época que usei e vendi, não fazia o uso das palmilhas, hoje em dia eu uso na maioria de minhas botas e aprovo, já que triplicou meu conforto.
      Quanto a lacear o sapato (de couro) alarga e o deixa mais confortável, mas não é efetivo para não causar dores em determinadas regiões. O sapato Boneca tem problemas similares aos dos creepers. Realmente toda dor ou desconforto vai depender da anatomia dos pés, exatamente por isso que recomendo as palmilhas. Espero que ajudado amore! Obrigada pelo comentário, beijões. <3

      Excluir
    2. Depois que meu pé sarar (deu bolhas) irei tentar/experimentar as palmilhas. Obrigada pelas dicas. Queria ter achado seu blog antes de ir lá comprar, mas estava tão concentrada em achar uma loja física que vendesse que nem me atentei a outros fatores. Achei que ia ser igual aos creepers que tenho (mas camurça não é igual a couro n_n").
      Vi um comentário no instagram da Vilela que fala para usar meias grossas com protetores de calcanhar que ele lacria. Vou tentar tudo. Vai que..
      Muito obrigada

      Excluir
  5. Comprei um creeper na Vilela, lindo e maravilhoso mas que ferrou todo o meu pé! Achava que o problema era comigo que não tinha me adaptado ao modelo e me sentia super mal ao ver alguma garota usando na rua, mas após o post e alguns comentários vi que é a marca mesmo. Se houvesse visto o seu post antes de comprar...olha, não teria comprado não! Utilizei protetor de calcanhar e de nada me adiantou também. Adoro o creeper e já estava até com planos e ir a um sapateiro pra ver se dava algum jeito na coisa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, nem protetor de calcanhar funcionou? Que péssimo! Eu me pergunto se esses problemas são só com os modelos de couro (que costumam serem mais duros). As vezes sinto vontade de usar novamente, mas aí me lembro desses problemas e logo desisto hahahaha Tente revender e investir em algo que você use mais Aline. Obrigada pelo comentário <3 Beijos da Kei *3*

      Excluir
  6. Eu tenho um coturno da Vilela e eu não consigo me adaptar a ele, eu acho lindo mas infelizmente me causa um desconforto bem em cima do pé, já quase até cai de uma escadaria com ele😂 se não fosse meu marido me segurar tinha rolado as escadas😂 A qualidade é ótima porém ele não é muito flexível aos movimentos,mas apesar de alguns probleminhas eu gosto da Vilela.Muito Obrigada por ajudar, me esclareceu muitas dúvidas sobre os calçados da Vilela achei que era só comigo que acontecia esses desconfortos com os calçados deles.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente, dependendo do modelo da Vilela alguns tem uma dificuldade maior em se adaptar. Magina Pri! Eu que agradeço pelo comentário, Beijões.

      Excluir
  7. Olá, eu tenho uma certa curiosidade a vilela só fabrica coturnos destinados ao público feminino ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De maneiro alguma Ac. Os Coturnos da vilela são Unisex. Claro que há modelos que se encaixam como sapatos femininos, como o estilo boneca e modelos com salto. No entanto, fora esse detalhe, são todos unisex, tanto masculino quanto feminino. Espero ter ajudado! :D

      Excluir
  8. Realmente a Vilela tem seus prós e contras assim como toda marca que produz roupas e sapatos alternativos, não pensem que marcas tipo Demonia, Pennangalam ou Sinistersoles não machucam, pelo contrário, marcas de roupa alternativa que nao sao mainstream possuem péssimo controle de qualidade e acabamento, sem falar que sapatos extremos não é para o conforto do dia a dia, ninguem bota um Louboutin e pensa que vai ficar sem calo ou dores, infelizmente pra ficar bonito tem que sofrer. Eu acho a Vilela muito boa comparando com várias marcas de fora que tenho, mas entendo sua frustração, talvez seria melhor você usar apenas modelos mais confortáveis tipo um doc martens original e deixar as botas mais brutais para eventos.

    A única parte negativa do seu artigo é mencionar aquele povo fake da Nosferotika, aquelas pessoinhas daquele blog nem música gótica ouve (One Direction, Rihanna, My Chemical Romance, Die Antwoord é o tipo de merda que elas colocam nos videos se arrume comigo e ainda cantam e sambam, vergonha alheia aquelas posers), você acaba perdendo a credibilidade quando menciona esse tipo de fakes, um bando de pirigóticas de butique que nada entendem da subcultura e do estilo de vida gótico.

    ResponderExcluir
  9. Olá Ash, faço concordâncias com o seu comentário. É um fato que nem toda marca será perfeita e que nem tudo que é caro ou importado significa qualidade. Inclusive, já fiz uma outra resenha que o enfoque foi a marca da pleaser, no qual relato sobre esses detalhes de qualidade e acabamento, isto dentro das experiências que já tive com os produtos. Igualmente considero que a vilela consegue ser superior à pleaser nesse quesito de qualidade.
    Certamente sapatos extremos não são ideais para o dia a dia, por isso que tenho modelos mais simples para esses casos (sendo alias, sapatos da vilela). Não mencionou errado quando falou de usar sapatos mais "brutais" somente para eventos, pois justamente faço isso. Isso pode ser singular como cada um prefere. hehehe :D

    Agora, sobre o Nosferotika, isto já é uma questão pessoal, por aqui apenas adiciono algumas referências que podem ser de utilidade para o público. Que tenham alguma relação com a resenha e que possa adicionar alguma informação adicional, seja para maior compreensão ou conhecimento do produto. Somente isso. Obrigado pelo comentário. Beijo :D

    ResponderExcluir